Serviços   O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras
  • Você está aqui:
  • Início
  • Notícias
  • Campi fazem balanço sobre edital de inclusão digital e implantação das AENPs ao Codir

Notícia

Campi fazem balanço sobre edital de inclusão digital e implantação das AENPs ao Codir

Campi

Reunião tratou também do auxílio para aquisição de equipamentos por parte dos alunos

Por Nayara Leite
Publicado: Aug. 5, 2020, 12:20 p.m.
Última modificação: Aug. 5, 2020, 12:20 p.m.

Os membros do Colégio de Dirigentes do IFPB realizaram, por meio de videoconferência, nesta sexta-feira (31), a 24ª reunião extraordinária. Dentre os assuntos da pauta estavam a contextualização atualizada dos campi sobre os processos e ações de implantação das Atividades de Ensino Não Presenciais (AENPs); Atualização sobre o andamento do edital de inclusão digital dos estudantes; e preparação para o início das atividades não presenciais.

As AENPs foram aprovadas neste último dia 27 pelo Conselho Superior (Consuper) e já estão sendo implantadas nos campi. O início das aulas será no mês de agosto, no entanto cada unidade terá um calendário definido de acordo com suas especificidades. Os Diretores dos 21 campi fizeram uma contextualização do andamento das atividades locais. A maioria dos campi está em processo de finalização dos editais de inclusão digital, formação de comissões e subcomissões de acompanhamento das AENPs, escolha do ambiente virtual de aprendizagem e construção e adaptação dos planos de aulas das disciplinas.

Auxílio para aquisição de equipamentos - Outro ponto abordado na reunião foi a construção do regulamento de concessão de um novo auxílio inclusão voltado para aquisição de equipamentos por parte de alunos em situação de vulnerabilidade. O Diretor de Tecnologia da Informação, Fábio Albuquerque, apresentou estudo feito sobre modelos e configurações de tablets e notebooks e ponderou que a escolha do equipamento deve ser feita de acordo com as necessidades dos cursos. A construção dessa política pública institucional precederá o lançamento dos editais nos campi que especificará os valores ofertados.

O Pró-Reitor de Assuntos Estudantis, Professor Manoel Macedo, afirmou que as discussões estão avançadas junto à Pró-Reitoria de Administração e Finanças e em breve será desenhado um regulamento para que possa ser encaminhado à procuradoria federal e depois tramitar pelas instâncias colegiadas.


O Pró-Reitor de Administração e Finanças, Pablo Andrey Arruda, explicou que a reitoria vai destinar um valor de R$400 mil e a divisão será feita de forma proporcional ao número de alunos nos campi. As unidades também devem fazer a complementação desse recurso.

O Colégio de Dirigentes aprovou um preito de reconhecimento institucional aos servidores envolvidos na construção das minutas das AENPs e dos editais de conectividade: diretores de ensino, assistentes sociais, membros da DGTI e diretores de administração. “Cada um no seu campo de competência realizou um excelente trabalho, por meio de uma caminhada que não foi fácil, até chegarmos na culminância da homologação. Um trabalho louvável, digno de reconhecimento”, ressaltou o Reitor Nicácio Lopes.

Cada Pró-Reitoria fez um balanço das ações referentes a sua pasta. A Pró-Reitora de Ensino, Mary Roberta, falou, dentre outros pontos, sobre o planejamento do novo Processo Seletivo para cursos superiores, cuja minuta deverá ser apresentada na próxima reunião e sobre o PSCT. O Pró-Reitor Pablo Andrey falou do fechamento do orçamento para 2021.

Foram apresentados detalhes sobre o projeto da Maratona de Empreendedorismo e Inovação pela Pró-Reitora de Extensão, Cleidenédia Oliveira. Trata-se de uma proposta que deve ser desenvolvida por meio da adesão dos campi. “É uma competição de caráter educacional, 

idealizada pelo campus Campina que foi abraçada pela reitoria e agora será executava pela PROEXC e PRPIPG, para estimular a cultura empreendedora, preparando os alunos para os desafios do mundo do trabalho”, enfatizou Cleidenédia.


Por fim foi aprovada a recomendação do comitê de crises de prorrogar a suspensão das atividades presenciais até o dia 31 de agosto. A decisão será encaminhada ao Conselho Superior para emissão de resolução.

Registrado em: Campi IFPB
Assunto: Campi