Serviços   O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras
  • Você está aqui:
  • Início
  • Notícias
  • Do Pronatec à Engenharia: a jornada de quem descobriu sua vocação profissional no IFPB

Notícia

Do Pronatec à Engenharia: a jornada de quem descobriu sua vocação profissional no IFPB

Ensino Superior

Edson Bandeira é concluinte de Engenharia Elétrica.

Por Thiago Cavalcante
Publicado: 24 de Setembro de 2019 às 16:09
Última modificação: 24 de Setembro de 2019 às 16:11

O educador e filósofo brasileiro Paulo Freire dizia: “A educação não transforma o mundo. Educação transforma as pessoas. As pessoas transformam o mundo”. Ao longo desses 110 anos como instituição educadora, o IFPB vem transformando a vida de muita gente, que, por sua vez, transforma sua família e a comunidade onde vive.

O aluno Edson Bandeira, por exemplo, descobriu seu amor pela Engenharia Elétrica em 2012, através do curso Eletricista Predial de Baixa Tensão, ofertado, na época, pelo Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego - Pronatec. Ele não sabia que aquele curso com duração de poucos meses iria transformar a sua vida por completo.

Após conhecer, os laboratórios, os professores e descobrir que também havia oferta de curso superior, ele decidiu fazer o Exame Nacional do Ensino Médio – Enem e optar pelo bacharelado em Engenharia Elétrica. 

Com a aprovação em 2013, Edson ingressou no Programa Educação Tutorial – PET, que desenvolve uma série de atividades para a comunidade interna e externa, nas áreas de ensino, pesquisa e extensão. Também foi monitor de duas disciplinas, estagiou em três diferentes empresas e participou de projeto no Polo de Inovação Assert. “A estrutura do campus é impecável, auxilia em todas as áreas. Os laboratórios de redes, telefone e eletrônica são ótimos para conectar a teoria e a prática”, conta. Foi também no IFPB que o aluno conseguiu fazer o intercâmbio no Canadá, pelo Programa Ciências sem Fronteiras, em 2015.

Além da formação técnica, Edson reconhece que o IFPB também o modificou como ser humano. “Boa parte de quem sou agora, foi formado durante meu tempo no IFPB, durante as aulas, os projetos, as monitorias. As amizades e os ensinamentos dos professores, com diferentes perspectivas, mostraram que o mundo não é fácil e que é necessário lutar e persistir para alcançar nossos objetivos”.

Recém-formado, os planos de continuar os estudos ainda estão em vigor. Além de atuar profissionalmente na área de Telecomunicações, Edson pretende ingressar no Mestrado Profissional em TI do IFPB, na visão dele, oportunidade ótima para quem precisa conciliar trabalho e estudos, além de ser uma área de muito crescimento e destaque no mercado.

Hoje, Engenheiro Eletricista, Edson olha para o caminho que percorreu com gratidão. “O IFPB mudou totalmente a minha vida, proporcionou meu primeiro emprego, proporcionou uma experiência internacional que eu não teria condições de arcar sozinho na época, me mostrou como ser um profissional relevante, que ajuda a sociedade a crescer, e também me ajudou a entender diferenças e a respeitá-las”.

O ex-coordenador do Pronatec e atualmente Chefe do Departamento de Educação Profissional, professor Marcílio Dias, acredita que a história de Edson deve ser motivo de inspiração, pois ele buscou e abraçou a oportunidade de fazer um curso de qualificação profissional e usou sua vivência para identificar a área que ele realmente pretendia.

Para o professor Marcílio, a trajetória de Edson simboliza a missão da nossa instituição, que atua rotineiramente para propiciar o acesso à educação. “Vê-lo concluir o bacharelado em Engenharia Elétrica me faz entender como é importante que as pessoas tenham oportunidades nos mais diversos níveis e modalidades de ensino, para que elas possam ampliar os seus olhares e passar também a influenciar a vida de outras pessoas”.

*com informações do Campus