Serviços   O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras
  • Você está aqui:
  • Início
  • Notícias
  • Espetáculo teatral de alunos do IFPB Campina é apresentado em escola municipal

Notícia

Espetáculo teatral de alunos do IFPB Campina é apresentado em escola municipal

Campi

“Alvoroço na floresta” faz parte de um projeto de extensão que irá passar por escolas municipais de Campina Grande

Por Nayara Leite
Publicado: 17 de Dezembro de 2018 às 09:28
Última modificação: 17 de Dezembro de 2018 às 09:28

O encanto de um espetáculo teatral vai muito além de um bom texto e da atuação do elenco. O figurino, o cenário, a maquiagem e a luz entre outros elementos são fundamentais para completarem essa magia, que o público infantil encontra na peça teatral “Alvoroço na floresta”, de autoria e direção do servidor do IFPB, Júlio César Rolim. Um espetáculo que atrai a criançada pelo texto bem construído e por transportar o público infantil para o mundo mágico de cores e formas da rica fauna e flora brasileira. A iniciativa faz parte de um projeto de extensão e já passou por duas escolas municipais de Campina Grande.

 Na ultima quarta-feira, 12, a equipe da Escola Manoel da Costa Cirne, no bairro Pedregal recebeu o espetáculo.  Duzentas crianças estavam na área de vivência, palco da apresentação, para assistir a peça. Os sorrisos e aplausos de agradecimento das crianças, que a todo momento queriam interagir com os  doze jovens atores que se reversavam no palco,  foi a recompensa de alguns meses de trabalho e ensaios.

“Eu vejo a cultura como uma necessidade para as criançinhas que vivem nesta comunidade. Elas gostam muito”, diz a supervisora educacional da escola,  Maria das Graças.   

 O elenco da peça é formado por estudantes de cursos técnicos integrados do Instituto Federal da Paraíba. Durante o processo de montagem, os alunos estudaram teoria teatral e participaram de oficinas para buscar conhecimento corporal necessário a criação dos personagens do texto.

 Toda a história acontece na floresta.  Certa manhã, a Águia, com sua visão privilegiada, percebe algo estranho no sol. O Macaco, sempre curioso, convence-a a lhe contar o que viu. Não tendo a menor ideia do que está a acontecer, ele espalha para todos os bichos que é o fim do mundo. Após isso, muita confusão acontece na selva, com cada animal reagindo de forma diferente à notícia: uns correm, outros choram, alguns tentam encontrar respostas, enquanto outros tentam aproveitar ao máximo o que talvez seja seu último dia na terra. “Existe uma mensagem que é dita na peça que é sobre a importância do estudo” revela Julio César Rolim.

Registrado em: Campina Grande
Assunto: Campi