Serviços   O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras
  • Você está aqui:
  • Início
  • Notícias
  • Programa Jovem Aprendiz beneficia alunos do Campus Pedras de Fogo

Notícia

Programa Jovem Aprendiz beneficia alunos do Campus Pedras de Fogo

Bolsas, Estágios, Empregos

Ação foi em parceria com a Coordenação de Estágio da PRE

Por Sergio Lira
Publicado: 14 de Novembro de 2019 às 11:44
Última modificação: 14 de Novembro de 2019 às 11:52

A Coordenação de Estágio e Relações Empresariais da Pró-Reitoria de Ensino PRE e a Direção Geral do Campus Pedras de Fogo, realizaram o cadastramento do campus junto a Superintendência Regional do Trabalho e Emprego da Paraíba para desenvolver ações do  Programa Jovem Aprendiz. O curso cadastrado foi o de Técnico em Informática subsequente ao ensino médio.

A Lei nº 10.097, de 19 de dezembro de 2000, estabelece as normas para contratação de menor aprendiz. Segundo a lei toda empresa de médio ou grande porte deve ter de 5% a 15% de aprendizes entre seu quadro de funcionários. O programa é composto por curso de aprendizagem gratuito com duração de até dois anos. Durante este período o aprendiz receberá ensinamentos teórico (sala de aula do IFPB Pedras de Fogo) e prático (dentro da empresa contratante).

O Jovem Aprendiz recebe capacitação técnica para aprimorar habilidades na área de sua formação. Dessa forma, ele tem a chance de vivencia o dia-dia dentro da empresa e, ao mesmo tempo, aprender uma profissão. O contrato do discente é assinado pela empresa, pelo discente e pelo IFPB assim como a carteira de trabalho do aprendiz deverá ser assinada pela contratante.

Segundo a Coordenadora de Estágio e Relações Empresariais da PRE Glauciene Santana “Esse cadastro permite ao campus ser uma instituição formadora desse programa e com isso poder encaminhar os discentes para empresas com a finalidade de ampliar as oportunidades no mercado de trabalho”. Caso o discente seja contratado, ele tem como efetivar a pratica profissional acadêmica de nível técnico no ambiente empresarial como funcionário aprendiz.

O curso cadastrado de Técnico Subsequente em Informática possui 4 módulos de 600 horas cada, totalizando 2400 horas de aprendizagem, sendo 25 horas semanais, divido em 4 dias na empresa e 1 dia na instituição. Após esse período o discente que concluir os 02 (dois) anos de curso técnico além do diploma, caso venha a ser contratado como aprendiz, terá sua carteira de trabalho assinada pela empresa contratante.

O Campus Pedras de Fogo através do Diretor Frederico Campos realizou contatos com empresários locais para captar vagas para aprendizagem profissional dos discentes. Algumas empresas foram visitadas e demostraram disponibilidade em contratar discentes do IFPB a exemplo da empresa Marie Mercié, fabricante de moda feminina de alto padrão, com reconhecimento nacional e internacional. 

A empresária Mércia Moura ficou feliz em estabelecer essa parceria, assim como evidenciou a preocupação na qualificação a nível técnico da população local na área de moda e costura. Confira neste link informações sobre a empresa.

Para o professor Frederico Campos Pereira, o momento é de muito entusiasmo com a oportunidade de contratação imediata dos jovens do programa Jovem Aprendiz além das oportunidades que virão para os (as) alunos (as) do curso FIC de corte e costura, assim como a possibilidade de novas parcerias e crescimento do IFPB campus Pedras de Fogo.